quinta-feira, fevereiro 14, 2008

Coisas que poderiam ter sido ditas com um sorriso (ou algo parecido)

Então, hoje o dia foi realmente diferente dos anteriores. Ignorem o parágrafo único, não estou a fim de fazer uma grande divisão.
Acredito que a principal mudança tenha sido a minha aula de moto. É isso aí, raposa agora sobre duas rodas. O resultado dessa primeira aventura são dois braços e uma nuca ardendo de queimadura, já que o sol estava explodindo lá naquele céu azul e eu não tive a brilhante idéia de me proteger. Fora isso, tem o estudo para o concurso do INSS. Pagar a inscrição e comprar uma apostila de 950 páginas não foi complicado. Pegar esse material e estudá-lo de cabo a rabo, ler e reler, analisar leis idiotas e questões que são criadas para tapear os candidatos: essas são minhas missões atualmente. A prova é dia 16 (ou 12?) de março e até agora eu estou bastante perdido entre previdência social, lógica e língua portuguesa, pra citar o mínimo. Minha vó continua no hospital aprontando todas, como sempre. Já que não quer ficar lá, é dever de todas as enfermeiras ouvir suas reclamações e dar a ela o que ela deseja e quando ela quiser, independente das ordens dos médicos ou de quem for. Hoje ela ligou e disse para estarmos preparados para, no horário da visita, levá-la de volta pra casa. Simples assim, ela cansou de ficar no hospital. Encontrei uma foto de algum tempo atrás. Creio que ela deve ser do segundo grau, um tempo em que eu tenho quase nenhuma foto de lembrança. Deu saudade não da vida naquela época, mas sim das minhas ambições e desejos. Eu os deixei em algum lugar do caminho e estou com medo de deixá-los continuar lá atrás.
Eu já estava com saudade do meu lado canceriano. Hoje ele bateu forte. Vontade de ficar deitado, agarrado no meu travesseiro, só pensando em sonhos. Um cafuné seria bem vindo, também, mas não é obrigatório. Eu achava que 2007 seria um ano de incertezas, mas não foi. Foi mais uma continuação das coisas boas de 2006. Os testes que eu estava esperando demoraram e só vieram agora, quando eu já não imaginava que eles viriam.
Sofra, mortal.

Um comentário:

mariiiiiiiiiiiiiiiia disse...

raposa sobre duas rodas, que divertido!!! eu tbm vou tirar a minha carteira, assim que juntar a grana para o segundo exame...

bjo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...