sábado, outubro 19, 2013

Não nasci para a vida prática

Nesta semana aprendi que nos correios é melhor enviar um pacotão de 4kg do que quatro pacotinhos de 1kg cada. Essa experiência, por mais boba que seja, revela algo muito importante sobre a minha vida cotidiana: eu não tenho senso prático. Não tenho! Se me pedirem para imaginar uma história ou pensar em possibilidades de desenvolvimento de alguma ideia, super tranquilo, ajudo, produzo, vou longe. Se me pedirem para inventar um prato na cozinha ou resolver alguma questão burocrática, eu travo.

Eu já sei disso sobre mim mesmo há muitos anos, razão pela qual me cerco de pessoas com senso prático mais apurado do que o meu. Afinal, amigos não são apenas para nos incentivar, eles também podem servir de apoio intelectual e completar as nossas fragilidades.

De vez em quando, porém, eu fico com receio de perguntar e parecer um menino ingênuo que não sabe nada sobre a vida. Porque a verdade é que eu sou assim, mas tenho vergonha de admitir. Eu não sei transitar nesse mundo real, sei apenas imaginar e sonhar.

2 comentários:

Unknown disse...

Pode me perguntar, se eu souber te digo. ;)

Tales Gubes disse...

Obrigado :D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...